Sunday, April 02, 2006

Varanda(s)

Dia de Sol. Da varanda à varanda. Carro parado à porta? Não vi. Varanda que lembra anos passados. Lembra dias de Sol. Olha lá está ele. E eu ia lá. Era assim. That easy.

Varanda. Minha. Lanches nas tardes de piscina. Brincadeiras. Jogos. (poucas) Conversas.

Varanda. Tua. (muitas) Conversas. Brincadeiras. Jogos.

Varanda. E era só perguntar. Era só ir.

Hoje, dia de Sol, fui até à varanda. Olhei para a tua. E andei pela minha. Às quatro sais do trabalho. Devias estar a dormir. Não vou lá. Deixo-te descansar.

E não páro de pensar em como estás diferente. Não páro de pensar que me fez mesmo muito bem ter ido ter contigo. Fico com pena de ter adiado tanto esse momento. Mas sabe muito bem ter-te de volta na minha vida.


2 comments:

joana said...

ah!, the wonders of living in the country (I know coina is not really the country, but you get the idea)

(ja k tams numa de associações, vou tambem fazer): varandas - sol - calor - verão - praia - brincadeiras na areia - férias! - salsa todas as noites!!!!!!!!!!!!!!!!!
(I'm sorry, I can't help it)

oh well, pelo menos temos as ferias da pascoa!

*******************************

xary said...

adiamos por receio de que algo se possa ter perdido. mas enquanto algumas coisas se mantêm iguais, outras mudam. não se perdem. mudam. é assim. that easy.

não fiques com pena. aproveita das próximas vezes. já está outra vez contigo e isso é que conta.

beijo grande* :)