Thursday, May 18, 2006

Uma estupidez qualquer...

A ser guardada há tantas horas. Demasiadas. Adiada, adiada. Mas quando é mesmo uma estupidez acaba por encontrar o seu caminho. E encontrou.

Sorriso parvo. O meu. O teu.

Tás com um ar de apaixonada.

Olha, pois estou.

Muito mesmo.

Sorriso parvo, estúpido, rídiculo!

É que já não conseguia. Eu olhava para ti e as palavras formavam-se na minha cabeça e eu impedia-me de as dizer. Não agora. Não aqui.


E eu olho para ti e as palavras formam-se.

Sorrio. Muito.




3 comments:

joana said...

Ross: (in his head) Say something clever! (Pause.) Okay, doesn’t have to be clever, it just has to be words. Say some words. (Pause) Any words will do. (Pause) Oh my God! This is the longest that anyone has not talked ever! (Pause) There is nothing you can say to make this worse!! So just say something!!

nao podia deixar de citar! ;)

*******************************************

Tati said...

uma palavra para ti...FINALLY!
começo a ver um padrão aqui...

xary said...

desembucha mas é logo, rapariga, irra que nunca mais :P kidding

as pessoas conseguem tornar-se imagens, símbolos de tanta coisa. estupidezes ;)

beijo grande*

sorris, pois sorris e só me lembro da tua boneca southpark :D hehe