Wednesday, April 18, 2007

e no fim, somos sempre nós

aquilo que mais gosto em nós não é a nossa história, porque todos acham a sua história especial. e só os "nós" por ai espalhados é que sabem da verdade da sua história. a nossa só é especial porque só nós sabemos como ela é. mas aquilo que mais gosto em nós não são os nossos beijos, porque todos os "nós" sentem borboletas no estômago e essas coisas que todos dizem. os nossos beijos são segredo. aquilo que mais gosto em nós não são as nossas mãos, porque todos os "nós" gostam de passear de mãos dadas à beira mar. não. sem dúvida, aquilo que mais gosto em nós somos mesmo nós. com um ponto final bem sublinhado. aquilo que mais gosto em nós são todas as coisas que só nós sabemos como são, sem saber muito bem como elas são. como nós, por exemplo, que viemos aqui parar por acaso.

3 comments:

Canochinha said...

Muito bonito :)

xary said...

« each couple is its own vaudeville act. »

zadie smith, on beauty

:)

MalucaResponsavel said...

lindo. bj