Saturday, January 12, 2008

#18


és a aventura da minha vida. a minha torre mais alta que me obriga a olhar para baixo e sentir o vento. ainda tenho marcas nos pés. para sempre. marcas de dias de aventura, à descoberta do desconhecido. tenho-te marcado em mim, com toques e pedacinhos de sonho e desejo que transparecemos nos olhos um do outro. quando me olhas, amor: há tudo e não há nada. és o imenso vazio da mais sólida matéria. pesas de forma leve. e levas-me devagarinho pelos caminhos do nosso pequeno mundo. já não sei sentir sem te sentir a ti. és a aventura da minha vida.




no sonho que permanece.



cada vez mais real.




imagem: kurt halsey


5 comments:

telma said...

escreves mesmo bem, damn ^^

Sari said...

minha nossa!!

xD

um beju*

joana said...

caramba que a telma tem razão. Já me tinha habituado à tua escrita, a esperar aquele grau de qualidade, mas volta e meia há sempre um malandro de um texto que sabe a novo, como se te estivesse a ler pela primeira vez.

*lindo*

********************

xary said...

e vamos ao cliché da semana:

porque amar é a maior e melhor aventura de todas.

(eu avisei :P)

é bom poder continuar a ler sobre esse amor; sobre qualquer amor que se saiba renovar.

beijo grande * :)

Bia said...

eu acho que gosto mesmo muito deste cantinho :)
ficarei de olho*